05 outubro 2012

Três em Outubro

Emigrem! Buscar um futuro melhor noutros destinos é uma característica histórica do nosso povo. Na década de sessenta do século passado, milhares de Portugueses decidiram emigrar, à procura da liberdade e de melhores condições de vida. Não será de admirar, por conseguinte, que, também entre as novas gerações, muitos ponderem sair do País.

Votem no Rei! Existe uma alternativa muito clara à actual situação a que chegou a este regime, alternativa que passa por devolver a Portugal a sua Instituição Real e que, se não resolve por si só todos os nossos problemas actuais, será certamente – como o provam os vários países europeus que a souberam preservar – um grande factor de união popular, de estabilidade política e de esperança coletiva. Numa palavra, de progresso.

Estados-professor e estados-aluno: Não podemos aceitar que um País com oito séculos de História e que aderiu à Comunidade Europeia vai para três décadas tenha apenas para oferecer a uma Europa em crise o seu estatuto de "bom aluno" obediente e cumpridor, a que mediocremente e com incompreensível orgulho alguns o querem condenar. Esse estatuto menoriza-nos e infantiliza-nos. Nós, como país, povo, história, cultura, economia e sociedade, temos mais para oferecer à Europa do que apenas obediência acrítica e passividade conformada.

Sem comentários:

Enviar um comentário