26 janeiro 2005

ECOPOL

O Intelectual e o Político [ou a vida de alguns jornalistas]: E vou votar!
Tantos anos sem lá pôr os pés mas estarei lá. Porque chega para mim. Quero mudança. Quero dizer-lhes que chega! Que estou farto de ser gozado!
Eu sou exemplar, pago impostos, trabalho desde os 17 anos (primeiro para pagar os estudos depois para pagar tudo o resto) a minha vida dava um filme, corri bastante mundo, fiz milhares de horas de Informação, já me consideraram do melhor na minha área, pelo menos na Europa, e afinal....
Aqui estou.
Não saí do mesmo sitio, falta-me dinheiro dias depois de ter recebido, já estive desempregado, tenho de constantemente procurar trabalho extra para pagar as necessidades básicas e ainda nunca roubei nem matei, não sou desonesto, conduzo bem e respeitando os outros, não me drogo (apesar de fumar) defendo o País defendo os meus semelhantes podia ser um exemplo de pessoa de bem e afinal aqui estou...
Ainda não saí daquela mesa onde ouvi: ?Ao menos não vai para a guerra!? e os olhos embaciam-se-me porque eu afinal estive na guerra, estou na guerra e a minha vida foi bem mais difícil do que esperava. Tem sido a cores e a dos meus pais era bem mais a preto e branco e muito cinzento. Mas não tem sido mais fácil.

Sem comentários:

Enviar um comentário