31 março 2008

Dúvidas


- Será que se esta análise (PSD é sub-representado e PS "apagado" na informação da RTP, diz ERC) fosse efectuada apenas para os canais em aberto (RTP1 e RTP2) daria os mesmos resultados?
A resposta: "O Governo, juntamente com o PS, soma, no conjunto dos três blocos informativos, 1439 presenças, número superior à soma da presença dos partidos com e sem representação parlamentar, que é de 1120".

- Porque razão ficou a RTP Internacional de fora, quando, "o Conselho Regulador considerou que “o facto de RTPN ser um canal para a televisão por cabo não afasta, por si só, a possibilidade de desempenhar uma missão de serviço público”"? Como a RTPI ou a RTP África por satélite, ou não?

- Se "Na informação diária, foram analisadas 3.229 peças, das quais:
466 emitidas no Jornal da Tarde da RTP1 (122 edições);
842 emitidas no Telejornal da RTP1 (122 edições);
637 emitidas no Jornal 2 da RTP2 (122 edições);
380 emitidas no bloco informativo das 24h00 da RTPN (61 edições);
368 emitidas no Telejornal Regional da RTP Açores (91 edições);
536 emitidas no Telejornal Regional da RTP Madeira (88 edições)
",
porque razão a RTPN (canal noticioso no cabo, com informação praticamente horária) só foi analisada no jornal das 24 horas e em apenas metade do número de peças dos canais generalistas? Por "ser aquele que, segundo dados da Marketest, possui maior audiência média" e só entre Setembro e Outubro por "Dificuldades na obtenção das peças a tempo"?

- Nesse período, "Os partidos sem representação parlamentar não possuem qualquer presença no bloco informativo das 24h00 da RTPN"?!?! Isto não merece uma recomendação da ERC?

[act.: algumas "pequenas notas" no Indústrias Culturais]

Sem comentários:

Enviar um comentário